Eu vejo flores em você

Está aberta a temporada das orquídeas. Veja como cultivar a planta

Fotos - Mara Sousa 2/2/2018Genésio Rodrigues Freitas, 70 anos, é apaixonado por orquídeas
Genésio Rodrigues Freitas, 70 anos, é apaixonado por orquídeas

Elas embelezam qualquer ambiente, mostram seu charme natural e encantam aqueles que amam a natureza. Algumas são conhecidas pelas suas cores marcantes, outras pelo cheiro. As orquídeas são belos exemplos de flores que servem para alegrar a casa. E os meses de janeiro e fevereiro são propícios para cultivo da planta. Entretanto, é preciso ter alguns cuidados para cuidar desse tipo de flor.

Genésio Rodrigues de Freitas, de 70 anos, é craque em cultivar a planta e toma inúmeros cuidados no plantio. Dono de um orquidário em Rio Preto, diz que as orquídeas são um momento de lazer. "Elas representam um hobby que comecei a cultivar na infância".

A paixão por cultivar a planta começou ainda quando era jovem, ficando encantado com o presente colorido. "Eu era estudante em um colégio de padres, e lá tinha muitas orquídeas, depois que eu ganhei a primeira, me apaixonei. Com o tempo, outros orquidófilos me doaram outras plantas. Em poucos meses eu tinha cerca de 3 mil", comenta.

Com o orquidário na cidade há 18 anos, Genésio revela que chega a produzir mais de 500 mil plantas por ano. Assim, a paixão do aposentado de entretenimento virou negócio. Hoje, Genésio vende as flores pelo mundo. "Eu tenho comércio em nível nacional e internacional. Já vendi orquídeas para a Alemanha, Portugal e até para o Japão", completa.

Vale lembrar, que as orquídeas reúnem a maior concentração de colecionadores do mundo.

Dicas do rei

Genésio destaca os meses de janeiro e fevereiro como propícios para o cultivo da planta. "Orquídea é uma planta que gosta de calor, que precisa de claridade, ventilação e não pode tomar sol incidente, pois senão queima e estraga ela".

Já quem mora em apartamento também pode ter uma orquídea em casa, basta colocar em um lugar com ventilação e claridade. "O sol que não existe dentro de casa precisa ser substituído por claridade, ventilação e determinada umidade. É bom lembrar que orquídeas morrem por excesso d' água," e emenda: "Não podem ser cultivadas em terra, têm que ter um substrato próprio, antigamente se utilizava muito xaxim. Deve ser cultivada envazada. E a cada dois a três anos têm que trocar o substrato da planta", completa Genésio.

Confira as dicas completas para começar a cultivar a planta e deixar a casa colorida e bela.

1) Luminosidade:

A luz é um fator importante para as orquídeas, entretanto, para o cultivo é bom saber que nunca a incidência solar deve ser direta. Esse tipo de planta precisa se adaptar à meia-sombra, produzida normalmente por copas de árvores, bambu e telas de proteção. As orquídeas adoram o sol da manhã, mas fique atento, o sol do meio do dia pode prejudicar e matar a flor.

2) Rega:

Essas flores gostam de umidade, mas nunca em exagero. Nunca deixe pratinho com água embaixo da planta, isso pode causar o apodrecimento das raízes e consequentemente sua morte. O ideal é manter o substrato úmido.

3) Ventilação:

As orquídeas gostam de ambientes bem arejados, sem corrente direta do ar. Locais escuros e abafados podem causar a morte da planta, através de fungos característicos desse clima.

4) Replante:

O ato de trocar de vaso só deve ser realizado quando realmente houver necessidade. Deve se trocar quando, por exemplo, o vaso estiver pequeno para o tamanho da planta e prejudicar a formação das raízes. Vale lembrar, que as orquídeas não gostam de ser "mexidas" com frequência. É aconselhável o replante a cada dois anos, devido a deterioração da matéria.

5) Vaso:

Para o plantio das plantas, o vaso pode ser tanto de cerâmica, quanto de plástico e madeira. Já o substrato utilizado pode ser de fibra de coco, casca de pinus e musgo, tronco de madeiras e de grão de isopor.

6) Adubação:

É um item fundamental para saúde da planta, existem vários tipos de adubo, divididos entre os químicos e orgânicos. Lembre-se, de nunca ultrapassar a dosagem recomendada.

7) Temperatura:

A temperatura ideal para as plantas oscila entre 15 e 25 graus, mas existem algumas que suportam temperaturas mais baixas. Outras não toleram o frio, como as plantas nativas nas imediações da linha do Equador. No Brasil, o clima é propício para o plantio das flores, justamente pela variação do clima.

8) Amor:

Toda planta para ser cultivada necessita de amor e cuidados, por isso, sempre cuide de suas orquídeas com carinho. Além de embelezar o ambiente, as flores também ajudam na oxigenação e na preservação do meio ambiente.